sábado, 21 de junho de 2008

POEMA

A VIAGEM

Num dia de solidão
Concebi uma viagem
Desde então a minha vida
Conheceu uma viragem
Esvoacei até ao infinito
Avistei um mundo esquisito
Um primeiro a apregoar milhões
Povo apenas com miragens
Onde apenas chegam tostões
As farturas no reino
Pareciam ser tantas
Eram bravatas afinal
De quem veio falar de beatas
Aconteceu em Portugal
Um país de beleza natural
Onde há homens
De tamanha pequenez
Foi assim que Deus os fez
A apregoar riquezas
Onde apenas há mesquinhez
Que caminho segue Portugal?

Daniel Costa

26 comentários:

camila disse...

Bom... meus Caminhos ainda não seguiram para Portugal.
Mas é um belo país, donde veio meu amado e lindo avô!
Gostei daqui Daniel.
Belo texto.
Beijo
=)

mariam disse...

grande viagem essa ao

"Portugal dos Pequeninos" !

das trapalhadas...



bom fim-de-semana

um sorriso :)

jo ra tone disse...

Belo texto,
Que caminho?
boa pergunta final!
"De tamanha pequenez" à megalomania.
Bom domingo

Ana Maria disse...

Lindo poema, Daniel.
Obrigada pelas visitas.
Bom domingo.
Meus beijinhos.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

É RenatA!

xistosa - (josé torres) disse...

Foi o último "piar" em África?

Temos poeta ... e visceroso!!!

Crisfonseca disse...

Simplesmente sublime, tens a arte da escrita, as executa com sabedoria e mastria como poucos. Sublime, divino.
Muito obrigada por visitar-me , tua presença em meu blog o enrriquece.
Beijos,
Cris

Menina do Rio disse...

Um poema interessante, Daniel!
As farturas do reino pareciam ser tantas...

beijos

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Daniel. Muito legal! Parece que seus caminhos agora se encontram com a poesia. :-)

Não conheço Portugal, apenas por fotos e vídeos, mas sei que é uma terra linda. Garanto que Portugal achará o caminho certo.

Boa semana para você.

Beijos mil! :-)

Humana disse...

Olá Daniel,
Gostei do seu poema e concordo consigo plenamente.Onde chegaremos afinal?
Passei apenas os olhos pelo seu blog mas virei com tempo lê-lo com atenção.Esteve em Angola não foi?
Tenho tantas saudades...
Beijinhos e muito obrigada pela visita e comentário.

Diva disse...

Concerteza contra o vento, perdido em documentos e cheio de contratempos. Caminha Portugal, Mocambique e tantos outros na lista dos moribundos. Teimosos.Orgulhosos.
E assim, vamos indo...
Bjs meus

NAELA disse...

Bela homenagem a Portugal...um poema que nos leva a caminhos de grande beleza!
Excelente;)
Beijo terno

daniel disse...

Camila

Como o Brasil, Portugal tem coisas lindas. Só pelo avô valia a pena conhecer. Um país tão minúculo e tão diversificado ba paisagel!
Obrigado e beijo.
Daniel

daniel disse...

mariam

Sim, das trapalhadas: É grande!
Sempre a sorrir, estamos na nova semana. Desejo que seja boa.
Daniel

daniel disse...

jo ra tone

Só megalomania e ir olhando a paisagem.
Uma Boa semana.
Obrigado,
Daniel

daniel disse...

Ana Maria

Obrigado e uma boa semana, esperando por novo dia de Domingo.
Beijinhos, Daniel

daniel disse...

Renata

Obrigado pela visita.
Daniel

daniel disse...

Cris

Não fico indiferente às palavas sublime e divino, mas!...
Obrigado e beijos.
Daniel

daniel disse...

Menina do Rio

A verdade é interessante, é pena que não passasse de devaneio poético.
Beijos
Daniel

daniel disse...

Sorrisos

Por vezes um "cadinho" de ensaio poético, pode diversificar a mercadoria.
O norte de Portugal tem paisgem igual a "España", atravessando o rio Minho, até nos espigueiros.
Sorrindo praticamos o optimismo, né?
Beijos
Daniel

daniel disse...

humana

Convidada!... Quem esteve em Agola ficou encantado, como eu.
Realmente o Esquadrão é a vida de Angola, digamos de caserna. Ao fim e ao cabo é biografia.
Obrigado eu e beijinhos.
Daniel

daniel disse...

Diva

Agora pior, com os aumentos dos combustíveis!...
Dizia-se os ricos que paguem a crise. Isso passou para a conta dos que vão empobrecendo.
Temos de ir assobiando, enquanto nos vão sacando!
Bjs, Daniel

daniel disse...

Naela

Ficamos pela beleza, para depois a tristeza.
Obrigado, com beijo.
Daniel

daniel disse...

José Torres

A poesia é para "disfarçar"... diversificar a mercadoria!... A variedade traz alegria!...
Daniel

impulsos disse...

Daniel
Fizeste um poema e tanto!
É a pura da realidade de um país à beira mar plantado e onde acontecem coisas assim... inacreditáveis!

Gostei muito, podem vir mais destes!!

Beijo

daniel disse...

Cleo

Sempre gostei de fazer poesia, e o jeito para a fazer? Parece que só agora encontrei a minha própria toada. Quando me faltar a inpiração para coisas de maior fôlego tentarei mais poesia!
Beijinhos
Daniel